quarta-feira, 12 de março de 2008

Como é difícil falar de amor... amor de filho, de pai, de irmão, de amigo...
O amor não é uma coisa que cabe explicação... é um sentimento.
Acho que até hoje ninguém conseguiu descrever completamente o que é o amor.

É mais que palavras, é mais que olhares...
É vida, é companheirismo, é sinceridade, é casual, é inoportuno, é urgente, é também não ter pressa...
É medo, é aventura, é frio na barriga, mas também calmaria...
É Sol, é chuva, é lágrima, é felicidade, é sorriso, mas também um aperto no coração...
É se jogar no precipício e saber que lá embaixo vai estar amparado por um colo, um beijo, um sorriso, um abraço...
É saber que vai queimar por dentro e que vai doer, mas não querer jamais que essa chama se apague...
É não esperar o dia de amanhã para dizer "te amo"...
É querer viver, ser feliz e ver feliz o ser amado...
É ver vida onde não tem, é ver luz no fim do túnel, é sentir esperanças em qualquer situação...
É se desesperar de saudades ainda que só faça 1 minuto que o amado tenha saído...
É não escolher uma pessoa para amar... é ser escolhido pelo amor...
É nunca lutar contra o sentimento mais bonito e mais puro que existe no mundo...
É não desistir de amar, ainda que um amor morra, ou apenas se transforme...

4 comentários:

BRUNO LEONARDO disse...

Oi,linda
Pois é...Amor é um tudo que tem muitos significados,mas com os quais todos se identificam...
Amar é tão bom..tão bom..tão bom..


Grande beijo

Graciela Lize disse...

Nossa que lindo!! Emocionante, vc é tudo de bom!

A foto tb é linda!! Beijosssssss, nem sempre comento mas sempre leio viu...saudades

janao disse...

Disse Drummond: "Porque amor não se troca, não se conjuga, nem se ama."

lindo texto.

CeiSa MartinS disse...

é...
amar deveria ser simples!
Ms não é!


Beijs!